Produtos para crianças

Produtos para crianças: vale a pena vender em sua loja?

Saiba porque vender produtos para crianças é uma excelente oportunidade de crescimento para o seu negócio

As crianças têm um grande peso no processo de decisão de compra de uma família. Para se ter uma ideia, 88% dos pais são influenciados pelos filhos quando estão fazendo compras no shopping ou no supermercado. O terceiro local no qual os filhos mais influenciam nas compras são nas lojas de brinquedos, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva, a partir do IBGE. 

Outro dado interessante divulgado pelo IBOPE, é o crescimento anual de 14% no segmento infantil. Só em 2020, no período de março a abril, as lojas infantis de brinquedos registraram um aumento de 434,70%, de acordo com informações da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico e a Konduto. 

Diante dos números, é possível notar que produtos para crianças vem sendo algo bastante vantajoso para as franquias. Tal afirmação ganha ainda mais força se levarmos em consideração datas comemorativas do ano que influenciam no consumo de produtos infantis, como o Dia das Crianças e o Natal. 

Se você ainda está com dúvidas sobre vender produtos para crianças no seu comércio, vamos dar alguns argumentos para te convencer, além de sugestões de produtos para ter nas gôndolas. Vamos lá?

Mas afinal, vale a pena vender produtos para crianças?

Sim, vale muito a pena vender produtos para crianças em seu comércio físico ou digital. Como falamos antes, os números são muito positivos em vendas. Além disso, existem outros fatores que auxiliam tanto no fortalecimento da marca como na diversificação do mix de produtos. 

Confira alguns motivos para vender produtos para os pequenos em seu estabelecimento. 

O crescimento é anual

Segundo dados da plataforma Euromonitor, nos últimos seis anos, o volume de vendas anual de produtos para crianças cresceu mais de 45% somente no Brasil. O número passou de R $2,7 bilhões para R $3,9 bilhões. Isso mostra que o mercado infantil está mais forte do que nunca. Afinal, os pais até deixam de comprar algo para eles, mas não deixam de comprar para os filhos, né?

O crescimento anual do segmento infantil é o fruto do desenvolvimento de produtos focados apenas para esse público. Com tanto protagonismo, as crianças estão cada vez mais mudando ambientes comerciais e inspirando novos produtos e serviços para um mercado que não para de crescer. 

Pais procuram para ficar mais próximos dos filhos

Um dos pontos para considerar na hora de vender produtos para crianças é que os papais procuram os itens para ficarem mais próximos dos filhos. Afinal, certos brinquedos necessitam da supervisão dos pais, promovendo algum tipo de interação entre eles. 

Uma dica para tirar ainda mais vantagem sobre esse fator é vendendo brinquedos educativos. Esses produtos são ideais para promover um diferencial no catálogo de produtos e dar um upgrade nas vendas. 

Por exemplo, o Dental Timer, da Angie Oral Care, é uma ampulheta divertida que ajuda a educar e manter as crianças focadas no momento de escovar os dentes. Além desse produto, existe ainda uma linha completa de brinquedos diferentes e educativos voltados para o aprendizado da saúde bucal infantil.  Todo esse processo possibilita momentos de qualidade entre pais e filhos e faz a diferença no crescimento das crianças. 

Produtos para crianças com preços acessíveis garantem alto giro de estoque

Se produtos para crianças já possuem uma procura natural dos pais, imagina com preços bons?

Além de aumentar a movimentação do caixa, esse detalhe contribui para manter o alto giro de estoque. E isso está diretamente ligado ao desempenho geral da empresa. Se tudo vai bem, dá pra notar pelos números. Já se tudo vai mal, o estoque é um dos primeiros setores a dar sinal de problema. 

Faz bem para a imagem da marca

Vender produtos para crianças vale a pena até mesmo para a imagem da sua empresa. Isso porque você mostra que  o seu negócio se preocupa com o desenvolvimento, educação, diversão e lazer da criançada. 

É  claro que isso precisa estar alinhado dentro da comunicação de toda a corporação. Invista em conteúdos nas redes sociais para reforçar esse branding positivo para a imagem da sua loja. 

Quais produtos infantis vender na minha loja?

Agora que você já sabe que vale a pena vender produtos para crianças em sua loja, confira uma lista de itens que podem ser incorporados no mix do seu catálogo:

  • Brinquedos educativos;
  • Roupas;
  • Cosméticos;
  • Quebra-cabeça;
  • Jogos de tabuleiro;
  • Video-game;
  • DVDs e álbuns de músicas infantis;
  • Bonecos;
  • Chocalhos;
  • Móbile;
  • Livros com texturas;
  • Brinquedos de encaixar

Se o seu negócio ainda não conta com nenhum produto para criança como estes, está na hora de começar a considerá-los em suas estratégias de negócio. Afinal, o mercado infantil não para de se expandir e os donos de lojas infantis precisam acompanhar esse crescimento. 

A Angie Oral Care tem produtos inovadores, educativos para ajudar papais, mamães e dentistas a cuidar da saúde bucal das crianças. Sem dúvidas, esses brinquedos diferentes vão ser a atração principal da sua loja. Aproveite para visitar o site e conhecer todas as opções. 

Gostou deste conteúdo? Não deixe de comentar o que você achou! Se você ficou interessado em vender os brinquedos educativos da Angie Oral Care em sua loja infantil, baixe nosso catálogo completo de nossos produtos. Você também pode solicitar o contato de um dos nossos representantes de vendas através deste link.

Comentários

Facebook
LinkedIn
WhatsApp