Vitrine infantil

Vitrine infantil criativa: como chamar a atenção das crianças e papais

Construir uma fachada visualmente bonita, dinâmica e atual é um investimento muito útil para quem busca atrair novos consumidores e, é claro, vencer a concorrência. Além de estar diretamente associada à identidade visual da empresa, a vitrine infantil também possui papel fundamental na atração de novos consumidores — e, consequentemente, no aumento do volume de vendas.

Ao projetar a identidade da marca, a vitrine infantil criativa tem o poder de atrair a atenção dos consumidores para dentro da loja. Justamente por isso, é muito importante investir em uma decoração puramente criativa, afinal, estamos falando de um público infantil. Assim, para ter sucesso sob a ótica das crianças, é essencial pensar como eles pensam ou falar como eles falam.

Pensando nisso, neste post vamos mostrar quatro dicas práticas do que pode ser feito para tornar a vitrine de lojas infantis mais atrativas. Boa leitura!

1. Escolha um tema

Para quem convive com uma criança diariamente, sabe que o seu universo é totalmente lúdico e colorido. Prova disso é que, a cada aniversário, os temas são os mais variados possíveis. Nesse sentido, para construir uma vitrine infantil criativa, é crucial pensar em um tema ligado a este universo. Abaixo, confira alguns exemplos de temas que podem ser utilizados no seu negócio:

  • Desenhos animados: personagens de desenhos animados estão entre os itens preferidos da criançada. Por isso, apostar neste elemento decorativo, certamente atrairá os olhares atentos dos pequenos. Porém, é necessário atenção, uma vez que misturar personagens que não representam o mesmo desenho pode gerar um efeito negativo;
  • Animais e objetos: outra forma de construir uma vitrine infantil criativa é apostar em elementos relacionados ao mundo animal, ou, ainda, utilizar objetos ligados ao público infantil. Um bom exemplo são as vitrines com tema do fundo do mar, jardins floridos ou algo que condiz com a sua preferência. O mais importante, neste caso, é gerar um contraste maior com os produtos expostos.

2. Atenção as cores e aos produtos expostos

Não é novidade para ninguém que as cores exercem importante papel na vida das pessoas, sem contar o seu viés psicológico. Sabendo da influência das cores no comportamento dos consumidores, é vital explorá-las em uma decoração criativa para loja infantil. Por ser o primeiro ponto de contato do cliente em potencial com sua loja, é também necessário pensar na disposição dos produtos em exposição.

Assim, tão importante quanto definir as cores que chamam a atenção do público infantil, é importante acertar nos itens que serão expostos. Uma boa estratégia é utilizar nas vitrines itens em promoção ou que façam uma combinação visual interessante, em relação às cores das roupas ou brinquedos, por exemplo. 

Cabe ainda mencionar que o objetivo principal de uma vitrine é chamar a atenção das pessoas, para que estas possam entrar na loja e, do lado de dentro, continuem sendo levadas a mais produtos e ofertas, de modo a favorecer a conversão em vendas.

3. Não esqueça de investir em uma boa iluminação

Quando se fala em lojas infantis, é natural que as lojas adotem um tema mais colorido, mas isso não significa que a sua loja pode ignorar o aspecto “iluminação”. Em geral, é esperado que a decoração do espaço esteja em harmonia com a dinâmica da loja, sendo assim, a iluminação é um item indispensável, isso, pois, permite criar um ambiente mais confortável para o estabelecimento.

Outra importante função da iluminação passa diretamente pela valorização dos itens expostos. Como algumas roupas e brinquedos demandam maior destaque, a iluminação direcionada de forma estratégica pode valorizar mais os itens do seu portfólio. Afinal, a visibilidade dentro da loja fica mais adequada.

4. Renove a vitrine com regularidade

Agora que você já escolheu um tema interessante para sua vitrine, organizou adequadamente as cores e os produtos expostos, e investiu em uma iluminação adequada, problema resolvido. Certo? Errado!

Não é porque sua vitrine está atraente e gerando bons resultados que os cuidados podem ser dispensados. Portanto, a dica é manter certa regularidade quanto a renovação dos itens expostos em sua vitrine e até mesmo em relação à escolha de novos temas de decoração.

Em geral, a mesma vitrine pode perder seu efeito após duas semanas, afinal, as pessoas já viram a mesma coisa e não tem algo “novo” para chamar a atenção. Assim, embora o tema seja mantido, sobretudo próximo a datas comemorativas, como o dia das crianças, é ideal renovar a forma da sua apresentação.

Como vimos, uma vitrine infantil criativa ocupa uma parte muito importante em uma loja, afinal, é uma forma bastante eficaz de proporcionar a melhor experiência possível aos novos consumidores da marca. Porém, não se pode esquecer que são os preços, assim como o atendimento, que fazem toda a diferença na hora de fechar uma venda. Contudo, a decoração do espaço é também muito importante.

Pronto. Agora você já sabe quais são os passos mais importantes na hora de decorar a vitrine a fim de chamar a atenção das crianças e dos pais. O que acha, então, de conferir ações práticas de fidelização? Leia, agora, o post e descubra as melhores estratégias para fazer sucesso com os clientes da sua loja!

Comentários

Facebook
LinkedIn
WhatsApp